Suape sedia lançamento do Fórum Nordeste Export

O Porto de Suape sediou, na tarde desta terça-feira (03), no auditório do Centro Administrativo, o lançamento da feira Nordeste Export, que integra a programação do Brasil Export, Fórum Nacional de Logística Portuária, e acontecerá nos dias 15 e 16 de junho, no Recife. Participaram do encontro integrantes do Comitê Orientador da Nordeste Export e representantes da cadeia logístico portuária de Pernambuco. A edição nacional será em outubro, em Brasília.
Além do Nordeste, o Fórum também vai acontecer nas regiões Norte, Centro-oeste, Sudeste e Sul, ao longo deste ano. Nas edições, serão abordados temas específicos das localidades, trazendo questões que precisam ser solucionadas, ideias e sugestões para os desafios identificados. Já o Brasil Export vai reunir as principais lideranças do setor portuário para debater melhorias para o setor em nível nacional.
“Precisamos pensar como nós podemos expandir a questão da inovação na estrutura logístico portuária nos portos do Nordeste. Essa é uma pauta que estamos aplicando no dia a dia em Suape, tanto na administração, quanto nas indústrias do Complexo e, dessa forma, conseguindo trazer soluções digitais para desafios da gestão portuária. O Nordeste Export vai acontecer no momento certo e vem para mostrar a força da região no Brasil”, afirmou Leonardo Cerquinho, presidente de Suape e integrante do Comitê, junto com o diretor de Novos Negócios, Luiz Barros, e o Head de Inovação da empresa, Ed Dantas.
“Nosso objetivo é contribuir e aprofundar os debates a respeito dos temas escolhidos e propor soluções para os grandes desafios do setor, destacando as questões regionais. O Nordeste Export e o Brasil Export são grandes oportunidades para trazer novos investimentos à região. É preciso mostrar as oportunidades que existem no Nordeste e todo o seu potencial”, salientou Fabrício Julião, presidente diretor da Una Eventos e do Brasil Export.
Ainda nessa segunda-feira pela manhã, aconteceu uma reunião do Comitê Orientador do Nordeste Export, no Centro Administrativo de Suape. Além de definir as estratégias que serão abordadas no evento, o grupo vai organizar a programação, definindo convidados e painéis.
“A ideia é que se discuta regionalmente quais são os problemas e quais são as soluções propostas para as questões logístico portuárias. Essas discussões vão ser levadas para o comitê central do Brasil Export e, dessa forma, serão definidas as prioridades dos assuntos abordados no evento que acontecerá em outubro”, explicou José Roberto Campos, consultor portuário e coordenador do Comitê Orientador do Brasil Export.