Presidente do Conselho Internacional exalta sucesso da Missão a Dubai: “superou muito as expectativas de todos”

por Cesar Meireles, Presidente do Conselho Internacional do Brasil Export

Considero a Missão Internacional do Brasil Export a Dubai um grande passo para o Fórum e, portanto, para os seus membros, quer seja pelo local escolhido, pela comitiva selecionada, pela programação estruturada e, claro, pelo seu resultado, o qual, pelos feedbacks recebidos, superou muito as expectativas de todos.

Dubai é o hub logístico e comercial dos EAU (Emirados Árabes Unidos), tendo o 9º maior terminal de contêineres do mundo, o DP World Terminal. Em Dubai, encontram-se 30 das 45 Zonas de Livre Comércio, ou Zonas Francas dos EAU, onde estão instaladas mais de 60 mil empresas de mais de 100 países.

Sugestões de leitura
* Artigo de Cesar Meireles para a Logweb – Emirados Árabes Unidos: missão técnica internacional de muitos aprendizados!
* Reportagens de Bruno Merlin para os canais do Brasil Export – Dubai busca atrair indústrias e negócios internacionais com isenção de impostos e modernidade; Jebel Ali mira na consolidação como hub logístico e quer ganhar mercado na Índia

Destacaria nossa inédita parceria com a CNI (Confederação Nacional das Indústrias), que nos permitiu uma agenda ainda mais produtiva, tendo visitado o SRTIP (Sharjah Research Technology and Innovation Park), quando fomos recebidos pela Sua Excelência o senhor Hussain Mohamed Al Mahmoudi, que brindou a todos com uma palestra a respeito dos imensos benefícios do parque.

Estivemos no JAFZA (Jebel Ali Free Zone), com o sênior manager Faisal Jassem (foto abaixo), quando da visita ao terminal da DPW. Ali, tivemos a oportunidade de conhecer o protótipo do único warehouse verticalizado para contêineres com o uso de transelevadores, em teste no mundo. Seu uso, certamente, trará opções para operações de elevado giro, terminais com restrições de áreas, e outros desafios chaves operacionais.

Ainda no âmbito da agenda global, estivemos reunidos com o head para o Brasil da Dubai Chamber of Commerce, que nos propiciou uma oportunidade rica de estreitamento entre nossas empresas e nossos países.

Por fim, mas jamais menos importante, concluo meus breves comentários, realçando a capacidade de planejamento sustentado dos EAU com base em um plano de longuíssimo prazo até 2117, com destaque à economia sustentável, e a expansão do parque de energia solar que pretende fornecer mais de 10% da energia de Dubai até 2030. Seu foco na redução de emissões de carbono projeta eliminar 6,5 milhões de ton de carbono, chegando, em 2050, à condição de Carbon free.

Como presidente do Conselho Internacional do Brasil Export, sinto-me honrado e muito feliz em ter feito parte desta história, parabenizando todos, sem exceção, desde a organização aos membros participantes pelo excelente encontro de todos que fazem deste Fórum Permanente, a casa de todos nós.